Páginas

17 de dezembro de 2010

Festa de Natal 2010

A festa de Natal decorreu, como habitualmente, na sala de espectáculos do Grupo Desportivo Arenense. A novidade deste ano residiu no facto de, pela primeira vez, as duas escolas do concelho de Marvão terem comemorado em conjunto o espírito natalício e o final do primeiro período. Da EBI c/JI Dr. Manuel Magro Machado e da EBI c/JI de Ammaia chegaram ao GDA muitas e excelentes participações dos alunos.
O Presidente da Comissão Administrativa Provisória do Agrupamento de Escolas de Marvão e o Presidente do Concelho de Marvão deram início à festa com palavras de optimismo.
A professora Isabel Junceiro, Coordenadora de Projectos, apresentou os quatro apresentadores deste evento.
Ana Carolina e Guilherme da EBI c/JI Dr. Manuel Magro Machado, Cátia e Diogo da EBI c/JI de Ammaia apresentaram a festa ao longo da manhã.
Houve sorteio de vários cabazes de Natal, iniciativas das turmas de pré-escolar de ambas as escolas.
Três animadores fizeram as delícias do público entre as actuações dos vários grupos de alunos.
Canções de Natal, muitas, algumas cantadas em grandes grupos oriundos das duas escolas do Agrupamento. 
As peças de teatro foram igualmente momentos divertidos e reveladores de grande empenho por parte de todos os participantes.
A poesia também esteve presente, trazida pelos alunos das professoras Fernanda Fernandes e Ana Reis.
À semelhança do ano lectivo transacto, os utentes do Centro de Dia da Casa do Povo de Santo António das Areias participaram na festa de Natal. Este ano trouxeram testemunhos sobre esta época do ano.

Para além de tudo o que já foi referido, assistimos ainda a demonstrações de ginástica de solo e acrobática, a uma coreografia e a um momento musical com instrumentos. Foram divulgados os vencedores do concurso de presépios e a festa terminou com a habitual entrega de lembranças oferecidas pelo Município de Marvão.

Balanço final: MUITO BOM

1 comentário:

  1. Embora pareça puxar a braza a minha sardinha, parece-me notório que em Santo António se reunem mais condições para uma continuidade a todos os niveis. Não deve só ser levado em conta o numero de alunos, mas toda a envolvencia da escola, e aqui ao contrário da Portagem existem meios que não podem ser esquecidos, tais como:
    Um grupo desportivo que sempre tem apoiado a escola nos seus eventos, cedendo instalações, um pavilhão onde se pode praticar desporto, um centro de suade e farmacia, bombeiros...
    Foi muito bom, ver os jovens do concelho reunidos num unico espetáculo de Natal, mas o mesmo avivou-me a memória para esta realidade.
    Votos de boas festas para todos.

    ResponderEliminar